Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escrita d'Alma

Escrevo como quem abre a sua alma e partilha o melhor do seu ser.

Escrita d'Alma

Escrevo como quem abre a sua alma e partilha o melhor do seu ser.

Divagar na escuridão do dia

16.03.23
Divagar na escuridão do dia. Divagar no momento. Divagar na vida.   Até o dia mais escuro, tem a sua própria beleza. Até o dia mais escuro, preenche-me de amor e de gratidão. Até o dia mais escuro, traz um brilho por detrás da chuva do amanhecer.   Divagar na imprevisibilidade do momento. Divagar no fluir de tudo E Deixar tudo fluir.   Com gratidão, Cátia Santos

Partilha interior...adoro a nossa união num amanhecer de luz

01.12.22
Adoro acordar rodeada de paz, de serenidade e de amor numa manhã que se inicia devagar ao fluir da natureza sem pressa nem controlo. Adoro a serenidade da natureza face ao nascer do sol e face a imprevisibilidade de tudo. Adoro respirar esta leve brisa da manhã que me ensina que tudo começa dentro de mim com muita paciência, muita gratidão,com muito amor e respeito por tudo e por todos. Adoro  contemplar a natureza, ouvir os seus sons puros e acordar serenamente de coração cheio (...)

Partilha interior...O meu amanhecer

25.10.22
Amanheço devagar e tranquilamente com o raiar do sol. Amanheço serenamente  e conectada comigo mesma. Amanheço a escrever, a deixar a caneta fluir no papel, deixar tudo o que está dentro de mim sair e me encontrar com a beleza da natureza, os sons dos animais sempre acompanhada por uma tisana.   Tudo surge, tudo se concretiza num maravilhoso momento de conexão com minha alma, com o meu coração e com a pureza dos animais. (...)

Reflexão...Adoro

04.05.21
  Adoro esta paz ao amanhecer. Adoro a paz e a serenidade de começar o dia a apreciar a natureza, a sentir a sua força, a sua pureza e aquecer a minha alma com uma chávena de chá. Adoro esta serenidade que acolhe todo o meu ser. Adoro apreciar a natureza e ouvir os pássaros. Adoro encontrar-me todas as manhãs no meu caderno com o fluir da caneta no papel, com as palavras que tomam vida, transportado tudo o que vai dentro de mim. Adoro quando me conecto e uno-me ao Universo e  a (...)