Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrita d'Alma

Escrevo como quem abre a sua alma e partilha o melhor do seu ser na companhia dos seres mais maravilhoso os meus animais , Maggie e Fluffy.

Escrita d'Alma

Escrevo como quem abre a sua alma e partilha o melhor do seu ser na companhia dos seres mais maravilhoso os meus animais , Maggie e Fluffy.

05 de Abril, 2022

Partilha Interior…A minha alma pede recolhimento

 

Partilha interior...a minha alma pede recolhimento

A minha alma pede-me recolhimento.

A minha alma pede-me para parar, silenciar, ouvir o meu eu, o meu coração, a minha alma e fechar pendências dentro de mim.

Muitas vezes, alimentadas pelo meu ego que persiste em não aceitar o que foi e já não é. Uma das minhas grandes lições, aprendizagens e ensinamento é desapegar de tudo, principalmente daquilo que já não faz parte do meu caminho, cumpriu o seu propósito no meu caminho e partiu.

E, está tudo bem!

Tudo foi como tinha de ser e tudo é como tem de ser.

Não há nada que questionar o inquestionável! Não há que pensar e se! Não!

Só o momento presente tem valor nada mais.

Na teoria, sei como é, mas aplicar na prática tem muito que se lhe diga.

Adoro estes momentos em que a alma me pede recolhimento e a natureza intensifica essa necessidade com um tempo fechado, escuro e chuvoso.

E, eu cumpro o seu desejo, recolho-me e ouço a minha alma.

 

Com gratidão,

Cátia Santos

Comentários

Comentar post